Brasileiros planejam mais as dívidas do início do ano, diz pesquisa

Um levantamento realizado pelo SPC Brasil – Serviço de Proteção ao Crédito – junto a CNDL – Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas -, aponta para o orçamento familiar em 2018, e demonstra que apenas 15% dos brasileiros empregados ou com alguma ocupação terão condições de arcar com as despesas sazonais logo no ínicio do ano. Essas despesas podem ser classificadas como: Material escolar, IPTU e IPVA, sendo essas as principais despesas de início de ano para a maioria dos brasileiros.

A pesquisa também aponta que 17% dos participantes entrevistados não se preocuparam em fazer projeções para poder realizar o pagamento dessas dívidas no ínicio deste ano. Cerca de 32% dos consumidores planejaram um percentual do 13º salário referente a 2017 para arcar com essas dívidas de início de ano. Muitos consumidores (27%) deixaram de realizar compras no último Natal e nas comemorações de final de ano para arcar com essas dívidas, e 21% prestaram algum serviço freelancer para conseguir guardar um dinheiro extra para o início de 2018.

De acordo com os especialistas do SPC Brasil, as projeções domésticas e a disciplina são coisas que devem ser levadas muito a sério para o início de cada ano. “O ideal é que todos tenham entrado 2018 com a organização já traçada no final do ano passado. Mas quem ainda não pensou nisso, ainda dá tempo e precisa correr. O primeiro passo é fazer um mapeamento pensando no futuro, mas sempre de olho no retrovisor, pois janeiro é um mês com muito acúmulo de gastos, como viagens do período de festas e parcelas remanescentes do Natal”, ensina Marcela Kawauti, economista-chefe do SPC Brasil.

Segundo outro levantamento realizado pelo SPC Brasil, os brasileiros que parcelaram os produtos adquiridos no Natal, irão conseguir terminar essas dívidas a partir de abril deste ano, o que aponta para um orçamento familiar apertado no início deste ano.

Também os especialistas do SPC Brasil ensinam que para pagar o IPTU e o IPVA o quanto antes, o ideal é sempre planejar de fazer esse pagamento à vista, já guardando dinheiro no ano anterior para fazer esse pagamento. O mesmo vale para as compras do material escolar, procurando sempre pesquisar o máximo possível antes de efetuar a compra.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *